quinta-feira, 18 de abril de 2013

Bolinho de banana sem farinha e sem açucar

Mais uma receitinha mega simples e poucas calorias. Vale como lanchinho pré treino! A receita original é do Panelaterapia, o site é ótimo e fuçando bem você encontra receitinhas mais leves.


- 2 bananas nanicas madurinhas
- 1/2 xícara de uvas passas pretas; (Eu não usei, o marido detesta)
- 2 ovos pequenos
- 1/4 xícara de óleo (Usei um dedo de oleo de canola)
- 1 xícara de aveia (tanto faz flocos finos ou grossos)
- 1 colher (sopa) de fermento em pó.

Bate tudo no liquidificador e deixa o fermento por último. Depois é só colocar na forma, eu usei uma de silicone, dividi a massa em 4 bolinhos, só enche até a metade porque ele cresce bem. Eu coloquei um pouco de granola por cima da massa, mas não indico, pq ela queima antes do bolo assar e fica ruim. Então vale uma canela por cima. Servir quentinho com mel é uma delicia né? Mas pode comer depois de frio que continua bom!

Olha como ficaram os meus: 



segunda-feira, 15 de abril de 2013

O tal do "foco" na academia

Não dá pra negar que academia é algo bem chato. Pensando rápido eu posso enumerar vários motivos pra vocês:

- Um monte de gente mais magra que você
- Um monte de gente que tá lá pra GANHAR peso e você louco pra perder gramas
- Um monte de marombados que derrubam o peso no chão (provavelmente eles não perdem tempo lendo os avisos)
- Um MONTE (bem grande) de gente que fica conversando muito bem sentados na máquina e atrapalham seu treino.
- Um monte de meninas lindas, com roupas de malhar lindas, que saem lindas da academia, como se tivesse ido ao shopping.

Daí no começo você olha pras pessoas, ouve as conversas do tipo "Ahh, eu levando 45 de cada lado" ou "Eu tomo suplemento, proteína, cafeina, creatina, carnitina..." E sente vontade de voltar pra sua casa, sentar no sofá e pedir uma pizza, se sentindo muito superior por não participar dessa bobagem toda.

Eu me sentia exatamente assim no primeiro mês (OK, as vezes ainda me sinto) e nessa fase vi um vídeo da Namaria  (vale a pena conferir os videos, são pura motivação <3) falando exatamente sobre isso e aconselhando: "Esqueça o que está em volta e foque no SEU treino".  E num lugar onde todos adoram mostrar seus iPhones, iPods lindos e pequenininhos, com fones coloridos e tudo mais, resolvi levar meu celular feio mesmo com minhas músicas preferidas e isso MUDOU minha vida na academia. Comecei a focar na minha música, na minha corrida, nos meus movimentos... Resolvi não olhar mais pras pessoas e não me preocupar se elas estão ou não se comparando comigo e pensando "Será que estou tão gorda como essa menina?" Pq eu tenho certeza que tem umas meninas que olham pra gente com esse pensamento! HURGTH!

Enfim, toda essa enrolação pra dizer o básico e que a gente nunca quer ver: O que importa sou EU e como EU estou me sentindo. Já diria Dinho Ouro Preto: "se for ligar pro que é que vão falar não faço nada" então eu fico toda suada sim, descabelada também, vermelha demais, mas pelo menos estou no caminho de alcançar meus objetivos.  Eu me comprometi comigo mesma que o tempo na academia é sagrado, já que estou mudando tanto meus hábitos, que valha a pena. Não vou pegar leve nos pesos, nem pular exercícios, fazendo isso só estou enganando a mim mesma, o que não é objetivo, então bora lá, né? Vamos fazer valer a pena :)

   



quinta-feira, 11 de abril de 2013

Receitinha: Muffin salgado

Hoje cheguei em casa disposta a testar essa receitinha que a Anna do Ideias de fim de semana e a Ju do Pitadinha fizeram. Aqui em casa a gente faz feira por volta do dia 10, como ainda não fizemos, fiz um apanhado do que tinha para adaptar e montar o meu muffin que não é muffin.

Usei um pouco da receita das duas e a minha receita ficou assim:

- 5 claras
- 2 gemas
- 2 Polenguinhos ligth
- 2 fatias de peito de peru
- Azeitona, tomate e coentro
- Temperinhos

Usei essa forminha de silicone que eu amo, untei com um pouquinho de azeite, cortei as fatias de peito de peru e coloquei um fatia em cada bolinho. Depois bati os ovos, temperei com curry, oregano e pimenta. Juntei um pouquinho de tomate, coentro e azeitona, sem medida, tudo no olhometro mesmo. E despejei nas forminhas essa mistureba. Uns 15 minutinhos no forno e você tem uma coisinha fofa e linda pra se deliciar. O peito de peru fica crocante e mata tua saudade do bacon. Ou a minha né? hahaha










Beijo!

sexta-feira, 5 de abril de 2013

3 meses de reeducação alimentar

Estou completando três meses desde o inicio da reeducação alimentar. Muitos dias de recaida, muitos dias passando vontade de comer, muitos pensamentos do tipo "Será que vale a pena?" E aí resolvi fazer uma geral de tudo que mudou nesses três meses. Vamos lá:

- Resistência física

Os exercícios me deixaram muito mais forte, hoje consigo correr, pular e muito mais.

- Consciência corporal

Me surpreendo a cada dia com a consciência que a gente toma do nosso corpo. Saber que músculo sentir, em qual momento respirar, conseguir superar o incomodo da dor em busca de um objetivo. Nosso corpo é realmente incrível.

- Posso sim, comer menos

Eu não preciso mais comer até me matar, isso é tão simples, pq a gente demora tanto até perceber? Controlar a ansia e não comer mais que o necessário é dificil, mas é super possível.

- Eu sei dizer não

Dá pra ver todo mundo comendo uma bolacha recheada e resistir, quando você consegue fazer isso sempre, se sente uma fortaleza!

Agora, mudando de assunto. Sexta-feira passada viajei para Salvador e como esperado não consegui manter a dieta por lá. A alimentação fica muito desregulada fora da nossa rotina e eu não quis abrir mão das delicias baianas por conta disso.

Bati minha meta pré viagem e me dei isso de presente. Não é o indicado, mas eu fiz assim mesmo. No meio da viagem, das delicias gastronômicas e do peso na consciência resolvi fazer uma montagem, após tantos comentários a uma foto minha no Instagram. Vamos ver como ficou?


A foto da esquerda foi tirada em 31/12/12 e a da direita dia 31/03/13. Lá se foram 3 meses, 8 kilos e voltaram a vaidade, o gosto em escolher roupas e a alegria de me olhar no espelho e me reconhecer, ficar feliz com o que estou vendo. Nunca fui magrela e nem quero ser, mas essa com 70 kgs, usando camisetas largas pra se esconder, definitivamente não era eu, ainda bem que foi embora :)

Vou marcar minha próxima avaliação física para 15/04, vai passar um pouco dos 3 meses indicados, mas vai dar tempo de voltar a rotina e ao peso que estava antes da viagem.

Estou fazendo esse post para ME inspirar. Essa semana da viagem deu uma parada nos exercícios e na alimentação correta. Mas vamos em frente porque ainda faltam mais 8 kilos!

E como eu costumo dizer no insta NO PAIN BLÁ BLÁ BLÁ, bora trabalhar pra conseguir o que queremos e vamos deixando de mimimi.

Beijo, Gabi


quinta-feira, 21 de março de 2013

Pesagem e Jump

Acreditam que faz pelo menos uma semana que estou com o mesmo peso? 62,500 chegou e não quer ir embora :(  A dieta continua a mesma, pensando em rever minhas quantidades, pra ver se adianta o processo.

Mas a novidade boa é outra: Hoje comecei a aula de Jump, finalmente! E poxa, fiquei triste por não ter começado antes, porque é MUITO bom, gasta MUITA caloria e é MUITO divertido ( Quando você perde o medo de cair da cama elástica ) E também quando você aprende a respirar, porque ninguém merece aquela dor de lado por falta de respiração né?

Então é isso, vamos ver se o resultado melhora. Além da atividade aeróbica mais forte, vou começar a Pholia Negra indicada pela nutri, vamos ver se dá resultado ;)

A meta são 60kg até a viagem (Sexta-feira santa) Será que dé tempo?

Beijo, Gabi

Ovos coloridos

Passeando pelo Pinterest a gente acha muita coisa linda e fica imaginando: COMO DIABOS A PESSOA FEZ ISSO? Foi o que pensei quando vi isso:


E aí eu inventei de fazer em casa, porque eu não tenho que fazer, porque eu achei bonito!

Você vai precisar de:
- Ovos (daaaaaah)
- Anilina colorida comestível (em lojas de festa você encontra fácil)
- Uma colher de maionese
- Temperinhos
- Atum

Para preparar:

Coloque os ovos para cozinha e prepare um potinho para cada cor de anilina, eu usei 3 gotinhas de cada cor.




Tire a casca com cuidado, para não machucar a clara cozida. Corte o ovo ao meio e retire a gema com cuidado usando uma colherzinha de sobremesa.


Aproveite a água quente que usou para cozinha o ovo e junte a anilina, os potinhos ficam lindos assim, depois é só colocar as bandinhas dentro, mergulhando bem.



Enquanto ele vai pegando a cor, a gente faz o recheio, esse eu inventei, você pode fazer como achar melhor. Bati no liquidificador meia lata de atum (ligth, obviamente) um quadradinho de polenguinho, oregano, salsa desidratada, mostarda e maionese. Eu usei as gemas, porque estava dentro da nossa cota semanal da dieta, mas pra quem tá cuidando do colesterol pode deixar a gema de fora, ok?

Dica: Se tiver dificil de bater, coloca umas colheres de leite desnatado pra ajudar ;)



Depois de bater vai virar uma pastinha, um patê molinho. Pela foto do pinterest era pra usar um bico de confeiteiro pra colocar o patê, mas a preguiça não deixou, daí usei uma colher mesmo!

E o resultado foi.....TCHARAM



Servi com saladinhas cruas e um refogado de abobrinha e vagem, mas se você não usar atum no recheio pode servir com frango, pra colocar uma proteína gostosinha na refeição ;)

É isso, ficou bonito né? Eu curti e o marido gostou também, então valeu a pena o trabalho.

Terminando o post com uma foto acidental que eu curti. Como é dificil cozinhar e fotografar ao mesmo tempo. hahhahaha


Beijo, Gabi Medeiros.

terça-feira, 12 de março de 2013

E finalmente, as primeiras fotos

Não, eu ainda não escolhi as fotos do casamento, mas meu fotógrafo é um querido e tratou essas fotos :)

Foi um dia muito especial, muito divertido! A semana anterior ao casamento foi tensa, nervos a flor da pele e tudo mais, mas chega o dia e tudo se resolve como mágica! A cerimônia foi com mais uns 20 casais, mas na hora a gente nem percebe... Como havia falado, resolvemos por não fazer festa, mas nossos pais prepararam um almoço para reunir a família para comemorar. Então saímos do cartório, passamos na praia para tirar algumas fotos e depois fomos sorrir com nossas famílias. 

Foi ótimo e tivemos certeza que nossa escolha tinha sido a certa. Claro, não estavam presente todas as pessoas que gostamos e que gostaríamos que estivessem, mas todos estavam muito bem representados pelos pais e tios. E além disso, todos os nossos amigos de verdade entenderam o motivo da nossa escolha.

Nosso fotógrafo conseguiu registrar lindos momentos desse dia, vocês podem conhecer outros trabalhos dele aqui: Julio Marinho, indico pra todo mundo!


Antes de começar a cerimônia





Hora do beijo


  

Olha que foto linda do Dan com meu sogro <3





Mudando status no Facebook

...Aguardando a aceitação do marido. hahah

Brindando com toda a felicidade do mundo

Julio e Odacy, nosso fotógrafo e sua esposa :)

 Já olhei as fotos umas duzentas e vinte vezes seguidas, dá sempre uma vontade de sorrir! Eu estava tão feliz que nem tava percebendo o tamanho que eu tava, GENTE, por que diacho eu não fiz uma dieta de verdade antes do casamento? Bem, pelo menos agora eu me dei conta e estou mudando :) Falando nisso, tô registrando tudo aqui nesse blog: Novo Cardápio no 302, ainda não está nada atrativo, sem fotos, é mais desabafo mesmo ;)

A meta deste mês é escolher todas as fotos do album. Entre ensaio e casamento. Vamos conseguir \o/ Afinal, nossas paredes já estão cansadas de esperar os quadros com as fotos :)

Tentarei não demorar a voltar por aqui, mas de qualquer forma, estarei também no Novo Cardápio, então apareçam por lá pra saber mais da minha reeducação alimentar.

Beijo, Gabi Medeiros